Carreira em Y: o que é e como se preparar?

4 minutos para ler

Com o advento da carreira em Y, o caminho de ascensão linear foi modificado, permitindo que o profissional foque na gestão de conhecimento. Nesse modelo, há uma maior valorização das habilidades técnicas, que são tão essenciais quanto o conhecimento gerencial e estratégico.

Com novas possibilidades de carreira, um profissional visto como técnico pode se tornar um excelente especialista. Ainda assim, ele será reconhecido da mesma forma que um gestor, até mesmo financeiramente.

Dessa forma, tanto a empresa quanto o colaborador se beneficiam. Pensando nisso, preparamos este artigo para você conhecer mais sobre a carreira em Y e conseguir estruturar e organizar a sua carreira em busca do sucesso.

O que é a carreira em Y?

Ao contrário da carreira em W ou da linear, esse modelo permite escolher entre a especialização ou a liderança em uma determinada área. Isso significa que se você quiser se tornar um líder, poderá aperfeiçoar os seus conhecimentos nessa direção. O mesmo acontece para quem deseja ser especialista em um determinado assunto.

A diferença é que os especialistas ficam responsáveis por buscar soluções no desenvolvimento de projetos, produtos ou pesquisas. Esse conhecimento pode ser adquirido por meio de cursos de pós-graduação (lato sensu) ou cursos livres.

Quais são as principais vantagens?

Ter um plano de carreira em Y oferece diversas vantagens para os profissionais e para as empresas! Saiba mais a seguir.

Perfil procurado pelas empresas

Profissionais especialistas são referência dentro das empresas. Em geral, eles são procurados para dar pareceres e auxiliar em estudos de longo prazo. Setores como tecnologia, indústria e áreas como gestão de projetos demandam cada vez mais profissionais desse tipo.

Técnicos também são muito valorizados pelas organizações. Para se destacar nessa função, é importante ter uma visão prática do negócio e se manter sempre atualizado.

Atuação de acordo com as habilidades

Ter que exercer uma função de liderança pode ser desestimulante para os profissionais que não têm esse perfil. Nesse sentido, a carreira em Y permite o crescimento inclusive dos colaboradores mais introvertidos, mas que têm um alto nível de capacitação e são focados em pesquisa e inovação. Assim, as empresas podem direcionar as pessoas para cargos que elas têm mais habilidades.

Maior produtividade

Com a oportunidade de exercer as funções nas quais têm mais habilidade, o profissional produz com mais facilidade. Isso faz com que a produtividade dos setores aumente e que os colaboradores pensem em novas estratégias e soluções para resolver problemas. Isso aumenta a motivação e disposição para o desenvolvimento de inovações.

Visão inovadora

Esse modelo também ajuda o profissional a ter uma visão mais inovadora, a ser mais detalhista e a expandir as suas ideias. Essas características são importantes e não podem faltar em pessoas com espírito empreendedor.

Desenvolvimento de competências

Como esse modelo de carreira valoriza os especialistas, há um grande incentivo ao desenvolvimento de habilidades e competências que garantam ao profissional maior expertise em suas atividades. Para isso, a empresa pode incentivar o engajamento em programas de educação continuada e capacitação.

Qualquer profissional pode escolher seguir a carreira em Y. Porém, ela é mais indicada para aqueles que têm conhecimentos teóricos e práticos, gostam de inovar e querem trabalhar com o desenvolvimento de atividades técnicas. Para isso, é possível aperfeiçoar as suas habilidades por meio de cursos.

Gostou das informações? Então, compartilhe este conteúdo em suas redes sociais e mostre outra possibilidade de carreira para os seus amigos!

Compartilhe!

Posts relacionados